Saiba como superar o vício em pornografia

Antes de tudo é bom ficar claro: sim, pornografia vicia.

Se você duvida, dê uma olhada no vídeo abaixo. É uma palestra no TEDx do pesquisador Gary Wildson intitulada”O Grande Experimento Pornô.”

O cérebro de uma pessoa viciada em pornografia apresenta os mesmos aspectos do cérebro de um viciado em álcool e em cigarro, por exemplo.

A pessoa viciada em pornografia fica condicionada a buscar cada vez mais os estímulos proporcionados por materiais pornográficos, pois isso libera dopamina no seu organismo.

O problema é que sempre são necessários estímulos novos, gerando um ciclo vicioso (literalmente).

Para acabar com o vício em pornografia, existe um método chamado “reboot”, que consiste em “reinicializar” o cérebro da pessoa viciada.

Depois de um tempo em abstenção de consumir material pornográfico (e também de se masturbar), o cérebro se recupera, retomando os padrões anteriores ao vício.

Para saber mais, veja o site Parar de Ver Pornografia. Lá você encontrará um material mais completo e informações sobre como superar esse vício.

Mas por que você deveria parar de ver pornografia?

Um dos efeitos mais preocupantes do vício em pornografia é a disfunção erétil. Mesmo jovens saudáveis podem apresentar esse problema. E isso é cada vez mais corriqueiro.

Muitos jovens que consomem exageradamente pornografia apresentam disfunção erétil, sem identificar a causa. Por ser um problema que causa certo constrangimento, nem sempre buscam ajuda, e acabam por ter a sua vida sexual afetada.

A boa notícia é que a recuperação é simples (não é fácil, mas é simples). O site indicado acima apresenta um método eficaz para acabar com o problema.

Embora a disfunção erétil seja o problema que mais chame a atenção, e o que mais faz as pessoas buscarem ajuda, ele não é o único decorrente do vício em pornografia.

A falta de energia, fadiga constante, baixa auto estima e até mesmo a depressão podem estar ligadas a essa causa.

Infelizmente, esse assunto não é muito abordado e a falta de informação agrava o problema, que já é grave pela facilidade do acesso à pornografia com a difusão da internet.

Esperamos que esse artigo seja útil e que se você sofre com esse male, busque informações a ajuda.

 

 

Tags :